A Audiência Pública na Assembléia Legislativa para debater o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) do magistério público estadual acontece às 9h30 de hoje.

 

 

O objetivo é discutir com a categoria a proposta do governo e ouvir sugestões para chegar a uma proposta mais consensual. Durante todo o dia, o /sindicato dos Educadores do RN (Sinte) vai fazer uma mobilização da categoria com uma parada de advertência.

 

 

Quando a lei que regulamenta o plano for aprovada, beneficiará os servidores públicos efetivos que ocupam cargos de professor e de especialistas de educação e exercem funções de magistério nas unidades escolares pertencentes à rede pública de ensino e nos demais órgãos e entidades vinculadas à Secretaria Estadual de Educação.

 

 

O plano vai atender aproximadamente 21.900 professores ativos e 7.500 inativos que atuam na educação básica e profissional das escolas públicas.

 

 

Segundo o solicitante da Audiência, deputado Fernando Mineiro (PT), esse é um momento de extrema importância para todos que militam na educação pública estadual. “Foram dez anos de exaustivas lutas e reivindições por parte do magistério e dos funcionários de escolas, e agora o PCCR está finalmente se tornando realidade”, conclui.

 

 

Para compor a mesa foram convidados o secretário estadual de Educação, Wober Júnior, o promotor de Justiça Raimundo Sílvio, da Promotoria de Defesa da Educação, e representantes do Sindicato dos Trabalhadores na Educação (Sinte) e da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTR).