O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) se reuniu, na tarde de ontem (9), com militantes, estudantes, professores/as, artistas, sindicalistas e servidores/as públicos/as de Pau dos Ferros. Em pauta, a conjuntura nacional, o panorama das eleições e a perseguição sem trégua ao ex-presidente Lula.

Mineiro fez uma análise do quadro eleitoral no RN e no Brasil, falou sobre o desafio da pré-candidatura a deputado federal e ressaltou a importância do engajamento da militância para “disputar a opinião da sociedade”.

“Precisamos chamar as pessoas para serem protagonistas dessa caminhada”, convocou, acrescentando que, embora o contexto dessas eleições seja complicado, acredita que é possível “vencer o desânimo que paira na sociedade”.


Mineiro comentou a ação orquestrada de setores do Poder Judiciário, no último domingo (8), para impedir a liberdade do ex-presidente Lula, preso injustamente há mais de dois meses em Curitiba (PR).

Para ele, o que aconteceu neste dia “mostra o tamanho do embate que vamos enfrentar”.

“As coisas não vão ser resolvidas sem mobilização. O povo sabe que o Lula está sendo perseguido, injustiçado, porque as pessoas têm uma identidade com ele”, pontuou, enfatizando que, agora, “é preciso saber como resistir”.

Mineiro lembrou que, não à toa, “as pessoas apontam o nome do Lula como a única alternativa para resgatar o Brasil”. “Ele é a esperança do povo”, completou.

Ele observou que a mesma coisa acontece no RN, com as pessoas indicando o nome da senadora Fátima Bezerra (PT), pré-candidata a governadora, como “a única esperança de enfrentar o caos do estado”.


Fotos: Vlademir Alexandre