O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) conclamou os potiguares a irem às ruas nesta sexta-feira (28) e afirmou que o dia “entrará na história como a maior mobilização que os tempos contemporâneos assistirão”. Na sessão plenária desta quinta-feira (27), o parlamentar destacou que a Greve Geral será um ato de resistência e resposta da sociedade.

“O movimento extrapolou as centrais sindicais e partidos e terá a sociedade dizendo não à tragédia que está vivendo”, destacou Mineiro. “Não é mais só eu, nem o petista, nem o socialista que está falando, mas temos muita gente que apoiou a saída da Dilma, porém agora está do nosso lado na trincheira”.

Para Mineiro, os setores “aperreados” com a Greve Geral estão sendo desmoralizados, pegos em suas manipulações. “A vida do povo brasileiro piorou, o desemprego aumentou, houve corte de direitos e ataque às conquistas”, lamentou. “Esses raivosos estão dentro de apenas 4% de brasileiros que apoiam Temer”.

Mineiro voltou a denunciar os efeitos das Reformas da Previdência e Trabalhista e ressaltou que a sociedade precisa pesquisar, ler e se inteirar do que se trata. “A desinformação apoia aqueles que querem atacar os direitos dos trabalhadores”, lembrou.

“Os golpistas têm pressa em aprovar as reformas para que as pessoas não conheçam os detalhes”, acrescentou o deputados. “Traga-me um juiz trabalhista que defenda essa reforma”, desafiou.

Foto: Eduardo Maia/ALRN