A falta de manutenção dos reservatórios potiguares foi tema do pronunciamento do deputado estadual Fernando Mineiro (PT), na sessão desta terça-feira (17) na Assembleia Legislativa. Ele alertou que, devido à falta de cuidados dos órgãos federais, estaduais e municipais, esses reservatórios não estão preparados para receber as águas das chuvas que caem no interior do RN.

Mineiro fez um apelo para que os órgãos que atuam na gestão dos recursos hídricos trabalhem “integradamente” para resolver a situação, porque, caso contrário, a população poderá não usufruir das águas que estão fazendo a alegria do povo no interior do estado.

“Há várias barragens de responsabilidade do estado que não estão preparadas para receber as chuvas. Eu vi isso na Barragem de Pau dos Ferros, que é do DNOCS, mas isso não exime o governo estadual de cobrar a manutenção do órgão federal”, comentou.

Para Mineiro, a recuperação dos reservatórios depende do esforço conjunto do DNOCS, Secretaria de Recursos Hídricos e Prefeituras. “Para mexer na Barragem de Pau dos ferros, por exemplo, precisa de autorização do Idema. Então, tem que haver integração entre os órgãos”, alertou.

Mineiro ressaltou que a população que há anos sofre com a seca não pode, agora, ficar impossibilitada de ter acesso à água devido à falta de manutenção dos reservatórios.

“Fiquei alegre ao ver a água chegar lá em Pau dos Ferros, mas ao mesmo tempo fiquei preocupado com essa situação. Os reservatórios estão sujos. Em alguns lugares, se transformaram em pastagens. A água está chegando, mas como tem matéria orgânica nas bacias, a água vai apodrecer e ficar imprópria para uso humano”, advertiu.

Ele reiterou que se alegra “com as chuvas no interior”, mas afirmou que vai “continuar cobrando a ação dos governos no tocante à manutenção dos reservatórios”.

Mineiro observou não é de agora que trabalha com esse tema dos recursos hídricos, afirmando que há anos tem insistido na tecla da necessidade de fazer a gestão integrada das bacias do RN.

Além disso, resgatou sua luta para que o governo estadual faça as obras complementares para preparar nossos reservatórios para receberem as águas da transposição do Rio São Francisco.

Fotos: Barragem de Pau dos Ferros (Vlademir Alexandre).