Depois de participar de atividades em Mossoró, na manhã do sábado (14), juntamente com a senadora e pré-candidata a governadora Fátima Bezerra (PT), o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) visitou as cidades de Pau dos Ferros e Alexandria. Em ambas, conversou com as pessoas sobre a conjuntura política nacional, o cenário das próximas eleições no RN e apresentou sua pré-candidatura a Deputado Federal.

Em Pau dos Ferros, ele se reuniu à tarde com petistas, simpatizantes do partido e pessoas que estão engajadas na luta pela liberdade do ex-presidente Lula. Além dos pauferrenses, participaram do encontro representantes dos municípios de José da Penha, São Miguel, Doutro Severiano e Encanto.

 

Mineiro lembrou de três fatos que, na visão dele, estão interligados: os sete dias da prisão arbitrária do ex-presidente Lula, os trinta dias da execução da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes e os dois anos do impeachment fraudulento da presidenta eleita Dilma Rousseff (PT).

“Esses fatos estão interligados. Vivemos uma onda de retrocessos, ataques e violência com reflexos em todos os setores. O que está acontecendo agora é uma reedição do que ocorreu em outros momentos históricos, uma ditadura moderna. A prisão do Lula não tem nada a ver com a lei, mas com a política. Eles prenderam Lula para tirá-lo da disputa eleitoral de 2018”, avaliou.

Já em Alexandria, à noite, Mineiro reafirmou que “há uma reação dos setores mais conservadores da sociedade, que não aceitam as transformações dos governos do PT”.

Ele falou sobre a importância da eleição parlamentar, defendendo a necessidade de mudar o perfil da composição tanto da Assembleia Legislativa como do Congresso Nacional, que disse considerar “o mais conservador dos últimos 50 anos no Brasil”.

Mineiro disse que o fato de a senadora Fátima Bezerra (PT) liderar as pesquisas para o Governo do Estado “é uma demonstração de independência do povo”. Já a liderança de Lula para a eleição presidencial, a despeito da perseguição política, jurídica e midiática, se deve “à identidade dele com o povo”.

Mas, na opinião de Mineiro, “não adianta eleger Fátima e Lula sem mudar a Assembleia Legislativa e a Câmara Federal”. “Nós precisamos entender que a eleição de deputado/a estadual e de deputado/a federal, além é claro da de senador/a, é tão importante quanto a eleição de governador/a e presidente”, ponderou.

Mineiro assegurou que o PT “está pronto para dialogar com a sociedade” sobre o projeto do partido para o Rio Grande do Norte e o Brasil. “Nós já provamos que sabemos administrar com foco nas demandas do povo. Vamos apresentar um conjunto de propostas para o estado e o país, fazer a disputa para vencer as eleições e governar em sintonia com a sociedade”, ponderou.

Já na manhã de domingo (15), Mineiro participou de uma reunião da deputada federal e pré-candidata a senadora Zenaide Maia (PHS) com petistas de Pau dos Ferros. Ele destacou a importância dela no enfrentamento ao golpe parlamentar de 2016, na luta contra os retrocessos do governo ilegítimo de Michel Temer e na defesa da liberdade do ex-presidente Lula.

Fotos: Vlademir Alexandre.