Durante a sessão desta terça-feira (29) na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) criticou a proposta do Governo do Estado de antecipar as receitas dos royalties do petróleo de 2019. O Executivo espera obter com a antecipação recursos da ordem de R$ 162 milhões.

“É inconcebível fazer essa antecipação de 2019, porque, com as eleições, haverá uma mudança de governo. Não podemos comprometer o próximo governo começando o ano com quase R$ 200 milhões a menos no Orçamento”, ponderou.

Mineiro ressaltou que não vê problemas em o governo querer antecipar as receitas de 2018, mas não é possível autorizar isso em relação a 2019.

Ele afirmou que vai apresentar uma emenda ao projeto do governo na Comissão de Finanças, com o objetivo de impedir a aprovação dessa operação financeira pelo Executivo.