A websérie potiguar independente Septo, estrelada pela atriz Alice Carvalho, vai participar na próxima semana (18 a 20), em Hollywood, do Out Webfest – evento voltado para a produção LGBT mundial na web. Além desse festival, Alice vai ficar mais tempo na cidade para divulgar a estreia da primeira temporada de Septo no Revry, streaming americano também de conteúdo LGBT.

A seleção para o Out Webfest foi através do Rio Webfest, em novembro do ano passado, onde Septo ganhou o prêmio de “Melhor Elenco (Drama)”. No festival, a websérie foi selecionada também para participar na Alemanha do Die Seriale (junho) e do Wendie Webfest (setembro), e do Streamy Awards (setembro), em Hollywood, um dos maiores prêmios de streaming americano, sendo a única série brasileira no evento.

Alice Carvalho vai participar de mesas de debate no Out Webfest e no Youtube Space com produtores de conteúdo. No festival, Septo será exibida no sábado (19); as premiações serão no domingo, mas não divulgaram ainda as indicações que a websérie recebeu.

“Vai ser uma projeção bem importante. Para a produção da segunda temporada será fundamental”, disse a atriz sobre a participação de Septo nesses eventos. “Infelizmente para algumas empresas do estado parece que precisa ter aval fora de Natal para valorizar e entender que é uma coisa boa. Vamos tentar captar novamente através da Lei Câmara Cascudo e a expectativa é que a pré-produção da nova temporada saia até o fim do ano”.

Em seu perfil no Facebook, Alice Carvalho reforçou a importância dessa conquista para o audiovisual potiguar e a crítica à falta de apoio e reconhecimento dos “grandes poderosos” da cidade. “O artista potiguar só segue em pé porque o amor que temos entre nós e a força que damos aos nossos trabalhos é maior que qualquer barreira”, desabafou. “Representatividade é importante demais e a gente vai seguir batendo no peito pra defender os LGBTQs, os nordestinos e os pretos”, complementou.


Lançada em 2016, Septo conta em cinco episódios a história de Jéssica Borges (Alice Carvalho), uma jovem triatleta, recordista e de carreira promissora que tem uma vida regrada e controlada pelo seu pai. Em uma das manhãs de treino, após receber a notícia de que será convocada para as Olimpíadas, ela passa mal em mar aberto e é socorrida pela professora de surf Lua (Priscilla Vilela). O encontro com alguém tão oposto fará com que ela repense sua vida que desde então tem sido de abdicação de desejos e felicidade artificial programada.

Septo foi premiada, ainda, como “Melhor Websérie” pelo júri popular no Buenos Aires Webfest. A websérie é uma realização da Marmota Filmes, com coprodução do Caboré Audiovisual e produção associada do Brasileiríssimos. Foi escrita por Alice Carvalho, Aureliano Medeiros e Frank Aleixo.

Confira AQUI a primeira temporada de Septo.

Fotos: Sarah Wollermann